sábado, 30 de maio de 2009

As cores da alimentação

Olá amigos do PopNutri hoje esse post leva para o prato de cada um dos leitores desse blog a importância da prática da alimentação saudável (como se não soubéssemos disso).
Uma forma de sabermos quando estamos comendo alimentos que supram a necessidade dos mais diversos nutrientes que o nosso corpo precisa, é prestar atenção na cor de cada item que compõe nossas refeições.

A Salad Creations, que é maior rede de lojas do mundo em comercialização de saladas, sim leitores, existe uma rede de saladas como existem redes e mais redes de sanduíches, logo para facilitar a nossa vida ela publicou uma série de dicas que podem nos ajudar a escolher de fomar mais adequada os ingredientes que farão parte da nossa próxima refeição, de um modo mais natural e saudável: a famosa saladinha.
De acordo com a nutricionista Débora Sorji, as diferentes cores dos alimentos indicam a presença dos diversos nutrientes que devem fazer parte da nossa alimentação.

A cor da sua salada
Vermelhos: alimentos com essa coloração são ricos em licopeno, um pigmento que age como antioxidante celular em nosso organismo.
Exemplos: tomate, pimentão vermelho e beterraba.

Amarelos e alaranjados: sinal de betacaroteno na área. Está substância atua como antioxidante de radicais livres, beneficia a visão noturna e melhora a imunidade. Sim, o betacaroteno é o precursor da Vitamina A.
Exemplos: laranja, cenoura, milho e damasco.

Verde: significa clorofila. Alimentos verdes são ricos em clorofila, substância que ajuda na desintoxicação e auxilia no aporte energético para o nosso corpo.
Exemplos: couve, pepino e salsa.

Roxo, preto e azulado: contém antocianina, responsável pela cor desses alimentos, que está relacionado com a presença de Vitamina B1. Está vitamina por sua vez, tem a capacidade de transformar vários nutrientes em energia, quando está presente em nosso organismo. Bom funcionamento do sistema nervoso, do coração e bastante disposição associam-se a ela.
Exemplo: alcachofra, cebola roxa, beterraba e azeitona preta.

Branco: essa cor indica a presença de minerais, entre eles o fósforo e o cálcio, e também vitamina B6, que ajuda na digestão das proteínas e favorece o processo de respiração celular.
Exemplos: cebola, palmito e alho.

Marrom: os representantes desse grupo são ricos em Vitamina E em um mineral chamado Selênio, substâncias essa, conhecidas por suas propriedades antioxidante, vasodilatadora e anticoagulante.
Exemplos: nozes, castanha e sementes de girassol.

Com esse post vocês irão perceber que as cores dos alimentos funcionam como um medidor nutritivo. Quanto mais colorido seu prato, maior a quantidade de diferentes nutrientes estão presente nele.
Espero que tenham gostado. Voltaremos em breve. Até o próximo post.

Mais em:
Vivendo Leve

Imagem em:
Veggy Bear

Comentem e compartilhem conosco sobre o que estão achando do PopNutri. As dúvidas, as críticas e também as sugestões são importantes para a melhoria do blog.

1 Comentário:

Mônica disse...

Olá amiga!!!adorei o artigo, muito bom mesmo!!! vc mudou o visual do ponutri ou foi impressão minha?
Passa lá no blog pra me visitar... daqui a pouco estamos no ar!!! abraços

Postar um comentário

Faça seu comentário, deixe sua crítica, dúvida ou alguma sugestão.

Os comentários deste blog são moderados.
Não serão aceitos os comentários que façam propagandas (SPAM), que ofendam os autores do blog ou marcas citadas no post.

  ©Template Original por Dicas Blogger

  ©Modificado por Rodolpho Zippo

TOPO