quinta-feira, 29 de julho de 2010

Motos que aguçam o apetite

Não tenho carteira de habilitação e nunca terei. Está decidido. Essa é a forma que encontrei para diminuir a emissão de gás carbônico na atmosfera, ou seja, não dirijo e não contamino o ar que respiramos. E digo mais, quando esse blog estiver gerando os resultados esperados financeiramente falando, comprarei uma bicicleta.
Agora uma coisa é certa, eu admiro carros e motos e foi em uma visita ao blog
Stres’S Net que encontrei dois meios de transporte que combinam bem com o PopNutri.

Simples mas eficiente

Isso sim que é moto de gordo

Além de gostosa parece confortável

Qual dessas belezuras você gostaria de pilotar?

quarta-feira, 28 de julho de 2010

Amorphophallus titanum: flor com cheiro de carne podre

Sei que com esse post corro o risco de perder meu cargo neste blog pois o editor do PopNutri diz que eu preciso falar mais de comida, de alimentação e de nutrição. Mas vamos lá.

Imagine uma linda flor: grande, colorida,
delicada e bem rara. Imaginaram? Agora adicionem a ela um odor de carne podre. Pronto, e lá sei foi à beleza dessa frase e principalmente dessa flor.

Amorphophallus titanum
é o nome científico da planta também conhecida como flor-cadáver, jarro-titã ou titan arum. Por mais incrível que pareça, ela não é nenhuma experiência mal sucedida feita em algum laboratório por um cientista maluco, seu habitat natural é a ilha de Sumatra, na Indonésia.
Mas o local escolhido por essa criatura em questão desabrochar-se foi o Jardim Botânico de Koishikawa no Japão, isso em 1981. Agora praticamente 20 anos depois ela deu as caras novamente com todo seu charme.


O que interessa
Toda essa excentricidade tem uma justificativa. Pesquisadores afirmam que a flor exala esse odor característico para atrair insetos que depois de ficarem presos nela, transportam o pólen da planta e assim garantem sua reprodução.

Depois de desabrochar as pétalas se fecham e caule central é quebrado e é nesse instante que o pólen é liberado juntamente com os insetos. No jardim Botânico funcionários coletaram o pólen através de uma pequena abertura feita na planta para fertilizar mais exemplares dessa flor.
Parece bem curioso, mas sinceramente, sentir o cheiro da Amorphophallus titanum não deve ser uma experiência muito agradável. Afinal, carne e flores não devem se misturar nunca, principalmente quando se trata de aromas.

Fonte: Terra
Imagem em:
FMKorea.Net

terça-feira, 27 de julho de 2010

Alimentos para uma vida saudável

Ser um ex-gordo e namorar uma técnica em nutrição é um grande problema, digo isso porque um dos meus vicios é comida, claro que não posso mais comer em grandes e saboras quantidades mas sempre é bom petiscar alguns alimentos calóricos. E é nesse ponto que rola algumas brigas com a futura sra. Zippo, pois ela teima em tentar mudar minha dieta, me dizendo que tenho que comer mais verduras, diminuir meu vicio por Coca Cola e quase me obrigando a comer frutas.

E infelizmente ela está conseguindo me mudar, troquei meu Capuccino gelado que tomava no lanche da tarde em meu trabalho por um copo de Vitamina com pouco açúcar e num é que foi uma troca interessante, não é grande coisa em uma dieta porém continua interessante. Para piorar a situação meu incosciente me leva a procurar vídeos no Youtube sobre alimentação saudável, acho que daqui a pouco até viro um vegetariano... Pensando bem, melhor não.


Encontrei esse vídeo que dá algumas dicas sobre alimentos (verduras e frutas) que podem melhor nossa dieta cotidiana. E até que achei interessante.


Aprecie com moderação

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Uma blogueira que não sabe cozinhar

Pela primeira vez no blog utilizo de um vídeo não para comentar o comercial, a arte ou o produto que este deseja vender, e sim para fazer dele uma homenagem aos leitores deste pequeno, forte e bravo blog. Mas antes da homenagem, apreciem o vídeo...


Se sua conduta é mais ou menos parecida com a do ator quando entra na cozinha e resolve botar a mão na massa, seja bem-vindo, você encontrou o blog certo para matar seu tempo livre que poderia ser gasto lendo um jornal ou então uma revista de renome.


Canso de ouvir todos os dias as mesmas palavras da minha mãe: “Com vinte e quatro anos, um menina não saber passar um café... eu não sei o que faço com você. E se eu ficar doente, você morre de fome?”.


Não, eu não morro de fome e nem fico sem tomar café, afinal de contas a padaria aqui perto de casa deve servir pra algo a mais que simplesmente vender aquele pão que busco todos os dias para comer com manteiga enquanto tomo o leite que você ferveu mãe.


Definitivamente não nasci para cozinhar, devo dizer que a cozinha é até um ambiente hostil para mim diante das minhas habilidades culinárias pouco precisas.


Um dia tomo jeito, procuro um restaurante bom e faço dele meu segundo lar, assim não morro de fome e abandono de vez essa busca por uma vocação que eu nunca vou ter: cozinhar.

Obrigado por acessar o PopNutri

quinta-feira, 22 de julho de 2010

Geladeira para a sua melancia

Na minha sincera opinião essa é a invenção mais inútil já desenvolvida de todos os tempos. Afinal de contas, quem é que deseja como bem de consumo uma geladeira para melancia?

A belezinha tecnológica além de manter a melancia gelada ainda tem um sistema que pode aquecê-la se assim o indivíduo desejar. Bom gosto é que nem... Quer dizer, gosto não se discute.

Não é necessário dizer que a Marugoto Tamachan (esse é nome da geladeira para melancia) vem de terras orientais, mais precisamente do Japão.


Compre a sua Aqui.

Mais em:
Digital Drops

quarta-feira, 21 de julho de 2010

Panelas antiaderente chinesas: os alimentos deslizam de verdade

Em menos de duas semanas escrevo o segundo texto inteiramente dedicado a minha mãe. O primeiro publicado no excelente blog Humorragia e o segundo aqui mesmo no PopNutri como você pode conferir agora. Sim, a velha senhora responsável por eu estar aqui hoje, além de estar revoltada com os noticiários nacionais ainda é uma viciada por panelas antiaderentes, mais precisamente frigideiras.

Uma campanha publicitária chinesa, muito bem servida de criatividade, utilizou patinadores fantasiados de alimentos como camarões, ovos e peixes para deslizar em um half escondido por um painel com o formato da panela. Resultado: o efeito foi aprovado pela população que assistia a divulgação do produto, principalmente as crianças.

Aprecie o vídeo de apresentação da campanha


terça-feira, 20 de julho de 2010

Alfaces hidropônicos são cultivadas em filial do Subway no Japão

Cultivar pés de alface no próprio estabelecimento onde essa verdura é utilizada como ingrediente em lanches, não é mais uma idéia, é realidade. A filial do Subway no Japão é a pioneira nesta prática.

O alface hidropônico cultivado na loja não é suficiente para atender a demanda do local, mas chama bastante atenção pela iniciativa.

Deve ser algo bem agradável de poder ver de onde vem os alimentos que consumimos diariamente nas lanchonetes espalhadas mundo a fora, difícil mesmo é arranjar espaço para poder produzi-los em quantidade suficiente para atender toda a população.

Se o problema for apenas com gastos, eu pagaria um pouco a mais para poder saborear um lanche desses, ainda que seja apenas pela alface, por enquanto.

segunda-feira, 19 de julho de 2010

Steve Jobs feito com mussarela

Sou fã declarada da Apple. Concordo que assim como eu, existem muitos indivíduos nessa situação, adoradores dos produtos dessa gigante da tecnologia, muitas vezes sem ao menos ter digitado um texto em um MacBook Pro, devido a situação financeira incompatível com a necessária para obtenção dos gadgets da maçã.
Agora esculpir em uma peça de mussarela o rosto do demoníaco Steve Jobs não é adoração, é loucura mesmo.


Nem com um toque de pimenta-do-reino o prato parece apetitoso.

Essa peça gastronômica mais do que extraordinária foi servida em um evento chamado iPad Launch Party.

Mais em:
Brogui e The cooks den

sexta-feira, 16 de julho de 2010

Nuggets com conservantes à base de petróleo

A rede de fast-food McDonald’s, conhecida em todo mundo, mais uma vez está envolvida em, prefiro chamar assim, escândalo nutricional. Um relatório divulgado pela CNN aponta que conservantes à base de petróleo são usados na produção de nuggets de frango.

Diante dessa notícia, administradores da empresa na China afirmam que essa substância quando utilizada na proporção de 0,1 g para 1 Kg de alimento não trás danos a saúde.


Até aqui nehuma novidade. Site e blogs do mundo inteiro foram pioneiros nessa divulgação polêmica, mas texto que segue não tem essa finalidade. Retomo o assunto apenas para lavrar minhas considerações.


Hoje em dia é quase impossível praticar uma alimentação inteiramente natural, pois os alimentos industrializados dominam as prateleiras dos supermercados. A busca por tempo livre também deve ser levada em consideração, afinal de contas cozinhar exige disponibilidade de tempo. Preferimos alimentos de fácil preparo ou então comemos fora de casa. É dentro dessa perspectiva que deve ser direcionada as possíveis soluções para que a comida de cada dia não se torne algo totalmente nocivo à saúde do individuo.


Lanches calóricos, sobremesas e batatas fritas apenas, não suprem as necessidades alimentares do homem. Nem investimentos pesados em propagandas conseguem difundir essa idéia. Não acredita? Procure então uma lanchonete nesses moldes e faça dela sua segunda cozinha. Em poucos dias seu corpo comprovará esse fato.


A demanda por essas refeições é muito grande. Os estoques devem estar sempre cheios. Como fazer então com que alimentos tão perecíveis como a carne dure por tanto tempo sem estragar? A resposta é simples: os conservantes.


A indústria alimentícia não poupa nem a saúde para lucrar. Produtos químicos são adicionados aos alimentos, seja para aumentar seu tempo de vida na prateleira, ou para tornar o alimente aparentemente mais saboroso. Sabemos os riscos aos quais nosso organismo fica exposto, mesmo assim comemos.


Sempre que fatos como estes forem noticiados não se espantem, pois é muito fácil perceber que um delicioso nugget de frango não tem aquele sabor de comida caseira, preparada na hora com temperos naturais. E no fundo é assim que devia ser, mas a realidade é outra.


Se a única opção é se alimentar em locais que comercializam refeições o jeito é procurar o melhor lugar, buscar informações sobre a procedência dos alimentos e escolher pratos ricos em todos os nutrientes, como carboidratos, lipídios, vitaminas e minerais, que são encontrados em carnes, legumes, saladas, leguminosas, cereais e tantos outros. A organização e a higiene são requisitos básicos para comprovar a qualidade do serviço.


Procure sempre alimentos naturais. Você não irá conseguir em todas as situações, mas as chances da Junk Food de se tornar a segunda opção no seu cardápio aumentarão gradativamente e ai se quiserem colocar petróleo no frango que coloquem. Isso não fará a menor diferença para você.


Mais em:
Plox e Debatepronto’s Blog

Imagem em: reddit

quarta-feira, 14 de julho de 2010

Sapporo Beer, o mais belo comercial de cerveja do mundo

Esse comercial que você verá a seguir não deve ser considerado uma simples propaganda de cerveja. Pelo menos não a meu ver.

As cenas que remetem paisagens do Japão antigo mesclam-se a imagens modernas, com excelente definição, o que faz a sequência parecer um jogo ou talvez um trailer de filme muito bem produzido, com inspirações até na Fantástica Fábrica de Chocolate devido às etapas alegóricas que representam o processo de produção da cerveja, claro com uma acentuada inspiração nipônica que dá mais graça a essa obra-prima publicitária.

Sapporo é o nome da cerveja em questão e quanto ao sabor não posso dizer nada, mas se este estiver relacionado à qualidade do comercial, cerveja melhor no mundo não há.

Aprecie com moderação


Fonte:
Garoto Amarelo

terça-feira, 13 de julho de 2010

Ovos talentosos

Tenho que ser sincera, um dos alimentos que mais abomino é o ovo, principalmente como prato principal, nada de ovo frito, ovo cozido etc, mesmo que eu fiquei com muita fome não tenho coragem para apreciar aquele oleoso e calórico ovo frito.

Entretanto, na culinária eu aprovo o consumo de ovos apenas no papel de ingredientes complementares, como os usados em bolos, tortas, massas para macarrão e em tantas outras receitas onde são essenciais para o êxito do trabalho na cozinha e que sejam altamente calóricas e saborosas.


Agora ovos são excelentes atores, desenvolvem bem qualquer personagem que lhes são atribuídos através uma arte singela feita com canetinhas. E talento é o que não falta para esses astros de habitam a porta da geladeira da sua e da minha casa.


Alegria que contagia

Aprendendo a conviver com as diferenças

Homenagem a Eve, grande personagem do filme WALL-E

Engraçadinhos

A Versão ovo do @rodolphozippo

Cativantes

Não é a primeira vez que os ovos roubam a cena aqui no PopNutri. Eles foram as estrelas no post "A dura, triste e cômica vida de uma ovo" publicado por @rodolphzippo em abril deste ano.

Mais em:
The Design Inspiration

segunda-feira, 12 de julho de 2010

O cubo mágico mais saboroso do mundo

É necessário dizer que há tempos eu não me deparava com uma imagem que me deixasse com tanta água na boca quanto esta do cubo mágico feito com frios (mussarela, presunto, salame, bacon, queijo prato etc).


Não é preciso saber a receita para construir essa obra-prima nerd gastronômica, apenas habilidade com a faca para cortar os cubinhos de forma simétrica deixando a preparação ainda mais atrativa visualmente falando.


Quanto ao sabor, não restam dúvidas. Mesmo sem nunca ter comido um cubo mágico (essa versão nutritiva), aposto minhas fichas na combinação calórica, porém saborosa que uma boa mistura de frios pode proporcionar, mesmo de forma tão delirante como esta.

Fonte: Brogui e bookofjoe

quinta-feira, 8 de julho de 2010

O brócoli, a noz e o cogumelo...

Não é a primeira vez que você encontra tiras em quadrinhos recheadas de humor ácido aqui no PopNutri. Durante uma breve vasculhada no excelentíssimo conteúdo do Sedentário e Hiperativo, encontrei uma digna de estar presente aqui neste humilde blog.

quarta-feira, 7 de julho de 2010

O homem que devorou 54 hot-dogs em 10 minutos

Joey Chestnut

Engolir 54 hot-dogs em 10 minutos! Isso já é a bastante para causar ânsia de vômito em qualquer ser humano que presa pelos bons hábitos alimentares. Agora brigar por não ter quebrado esse recorde completamente absurdo é algo mais bizarro ainda.

Joey Chestnut conseguiu essa marca no último domingo (dia 04/07) em uma disputa que já havia vencido por quatro vezes consecutivas, porém o ex-recordista, Takeru Kobayashi campeão por seis vezes e impossibilitado de participar do desafio na ocasião devido a assuntos contratuais não deixou barato, invadiu o palco da disputa e teve que ser detido pela polícia de Nova York onde acontecia o evento.
Takeru Kobayash

Kobayashi queria antes de qualquer coisa deixar claro que ele era superior ao seu concorrente.

Fica a dúvida: como é possível alguém brigar por uma superioridade tão irrelevante como a desse caso? Ainda prefiro o domínio de degustar um bom cachorro-quente com bastante batata-palha e molho ao recorde batido por Chestnut. Até a próxima.

terça-feira, 6 de julho de 2010

Arte em latas de cerveja

Vão-se as festas, churrascos e afins, sobram então além da ressaca, as latas.
Dizer que cerveja é paixão dos brasileiros é besteira. Cerveja é paixão do universo inteiro.


Diante do consumo exorbitante de uma bebida tão amarga, porém não menos amada, fins criativos para as embalagens da mesma são sempre uma boa opção, ou então milhões de latinhas poderiam terminar como simples objetos capazes de aumentar ainda mais o volume de lixo produzido diariamente por nós humanos beberrões.


Um carro de grande estilo.

Uma moto bem elegante.

Tudo vira arte. Melhor quando vira música.

Bi-bi.

Tudo em um lugar só. Haja criatividade.

Recicle latas de cerveja. Recicle latas em geral.

segunda-feira, 5 de julho de 2010

Dragon Ball e o apetite insaciável de Goku

A maior saga de todos os tempos das histórias em quadrinhos formato nipônico, mais conhecido como mangá, tem sua origem quando um garotinho sai em busca de algo para comer em tamanho e quantidade pouco comum para pessoas sem a capacidade de concentrar KI, e porque não para aquelas que concentram também. Se você ainda não desconfiou, o simples fato da frase que dá início ao texto conter o trecho “maior saga de todos os tempos das histórias em quadrinhos formato nipônico” deixa claro que Dragon Ball é o título da obra-prima a qual me refiro.

Akira Toryama
conseguiu com sua genialidade criar um desenho incapaz de ser copiado por outro ser no universo. Com traços retos, vulgarmente de formas quadradas, tomado por alta dosagem cartunesca com toques pornográficos, o ilustrador cunha personagens cativantes capazes de conquistar crianças de todas as partes, portadoras dos mais diversos costumes culturais, fazendo com que esses leitores e telespectadores aumentem gradativamente sua paixão pela obra conforme os anos vão passando e o senso de humor e crítico vão amadurecendo. Digo isso levando em consideração todas as séries do desenho Dragon Ball, Dragon Ball Z, Dragon Ball GT e tudo que está ligado a elas.


Clique nas imagens para ampliar

A capacidade criativa de Toryama se dá na própria simplicidade da história que ainda assim abriga elementos de todas as naturezas, personagens com feições humanas sim, porém excêntricas em sua essência, paisagens naturais mescladas a cenários futuristas, magia, artes marciais e humor de sobra.

No entanto deixo para os mais fanáticos os detalhes e escrevo então sobre a causa primária, o ponto de partida da história muito bem representado no primeiro capítulo "Goku vai ao mar": a fome mosntruosa de Son Goku.
Clique nas imagens para ampliar

Goku sai à procura de comida quando em um acidente se choca com Bulma, a garotinhas busca a qualquer custo as esferas do dragão, que quando são reunidas permitem o aparecimento de “Sheng Long”, o deus dragão através de palavras mágicas.

O apetite insaciável de Goku pode ser conferido em várias passagens de Dragon Ball como no capítulo “As Esferas do Dragão” onde Goku ao ver uma mesa de comida que continha sopa e pão preparada por Bulma, preferiu sair à caça de um lobo para poder se alimentar.

Clique nas imagens para ampliar

No capítulo 24 “O ingrediente necessário para treinar com Mestre Kame”, logo ao entrar na casa do maior lutador de artes marciais, o Mestre Mutenroshi, Goku não pode se conter de tanta fome e é avisado de que na geladeira tem comida. Com uma expressão que transmite toda ingenuidade de um campeão: “Hum...A comida esta guardada neste caixote estranho?... ele dá início ao seu banquete que em pouco é devorado para espanto do velhinho. De uma só vez ele acabou com os mantimentos de uma semana inteira.

Em
“Uma nova esperança” depois de ser derrotado por Jackie Chun, “ham-ham”, ou o Mestre Kame disfarçado, Goku é capaz de pensar apenas em uma coisa: comer. Com 500 mil zenys na mão ganhados como prêmio pela vitória do Torneio de Artes Marciais, Mestre Mutenroshi leva Goku, Kuririn, Bulma Yamcha e companhia para jantar no restaurante Delicious, onde o agrado sai por nada mais nada menos que 470 mil zenys para desencanto de Kame.

Em muitas outras partes da história é fácil encontrar indícios do apetite de Goku em momentos cruciais de sua jornada potencialmente fatais se não fossem encobertos pela garra do herói, como minutos antes da última luta do Torneio de Artes Marciais em que quase é derrotado pelo seu estômago que ronca de fome e absorve todas as suas forças enquanto seu cérebro é tomado pela vontade incontrolável de almoçar.


Deixo claro que esse pequeno texto foi escrito com base nas primeiras quatro edições definitivas de Dragon Ball que por sinal foram suficientes para gerar mais uma postagem que pode ser definida como uma homenagem para o grande mestre da ilustração e animação de todos os tempos, o
Mangaka Akira Toryama. Espero que tenham gostado e até a próxima aventura.

  ©Template Original por Dicas Blogger

  ©Modificado por Rodolpho Zippo

TOPO